Crumble Vegano de Maçã

Confesso pra vocês, eu NUNCA comi um crumble na vida!
MAS, uma amiga do trabalho do Fabrício, a  Clara, me emprestou um livro de receitas incrível e lá tinha esse tal de Crumble, mas era uma versão com glúten e com leite. Como aqui não podemos nenhum dos dois, fui eu pra cozinha tentar fazer e FICOU INCRÍVEL, nós que não somos muito amigos dos doces, comemos em um dia rs.

Vale a pena cada pedacinho!

Ingredientes:
4 Maçãs Gala
1 Limão Caipira
50 ml de Óleo de Girassol (não tem gosto)
1 xícara de aveia em flocos finos 
1/2 xícara de Nozes raladas
1 xícara de Açúcar Mascavo
1 colher de chá de canela em pó
1 colher de sopa de cravos da Índia
1/2 xícara de uvas passas

Modo de Preparo:
O primeiro passo é cortar as maças. Retire a parte do talo. Se não for orgânica, sugiro tirar as cascas também (maior concentração de agrotóxicos).
Corte a maçã em 8 partes, eu costumo deixar ela com mais ou menos 0,5 cm de espessura, fica legal assim. Corto no sentido da Altura, como se fossem gomos de laranja (deu pra entender? hauhauhauah)
Em uma tigela, coloque as maças cortadas, esprema o limão sobre elas, metade do açúcar mascavo, os cravos da Índia e mexa bem, é como se fosse um ‘tempero’ do crumble rs.
Deixe uns 5 minutos até absorver bem os ingredientes. Depois, coloque em uma forma redonda untada com óleo, tampando todo o fundo de maçãs.
Misture as uvas passas, a aveia, as nozes raladas e o açúcar. Mexa bem até formar uma farofa úmida. Espalhe essa farofa por cima das maças, não misture, essa crostinha deve ficar em cima.
Leve ao forno baixo (180 °C) por 30 minutos ou até a farofa dourar. Gosto de servir quentinho!

Dica 1: Eu fiz uma coisa errada, mas que no fim deu super certo e agregou nutrientes ao crumble, então, vai que você quer fazer também né?
Sabe a água do cozimento do grão de bico (aquafaba), com ela é possível fazer chantili. eu vou explicar aqui como é o certo e depois eu falo o que eu fiz que não deu certo.

Para o chantili
Pegue duas xícaras de água do cozimento do grão de bico, leve para ferver até reduzir à metade. Esse processo é importante para que ele fique em ponto de ‘clara em neve’
Depois de reduzir a aquafaba, leve para a batedeira  e bata em velocidade máxima até virar ‘chantilli’ e adicione 1/2 xícara de açúcar (pode ser o mascavo, só vai ficar escurinho). Adicione também 1 colher de essência de baunilha. Bata até ficar firminho e coloque por cima do crumble.
O que eu fiz de errado? Levei ao forno. Esse chantilly NÃO PODE SER AQUECIDO – NEM NO FORNO E NEM COM MAÇARICO, quando eu coloquei no forno, ele simplesmente se incorporou ao crumble. NÃO FICOU RUIM, aliás, deixou o crumble mais cremosinho. MAS, lindo mesmo ele fica em cima.

Crumble de MaçãCrumble de Maçã

 
 
 
 
 
 
Bem simples não é mesmo?

Se você preferir, pode servir com uma bola de sorvete ao lado, deve ficar incrível!

O que acharam?

Espero que tenha agradado.

Use o espaço dos comentários para deixar suas dúvidas, elogios, sugestões, críticas ou qualquer outra coisa. Esse espaço é de vocês!

Comentários

comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *